Siga-nos nas redes socias
Acesse a nossa loja
Drogaria Nova Esperança
Acesse a nossa loja
Página Inicial Pais e Filhos 7 Alimentos ricos em gorduras boas
7 Alimentos ricos em gorduras boas
10 de dezembro de 2020

7 Alimentos ricos em gorduras boas

Quando o assunto é gordura, é comum que a primeira imagem que vem à mente seja de algo maléfico a saúde. No entanto, não é bem assim. Pois existem alimentos ricos em gorduras boas, sendo, inclusive, um dos responsáveis pela qualidade de vida que levamos e pelo trabalho natural do organismo.

De acordo com o Ministério da Saúde, este tipo de gordura é importante para controlar a temperatura corporal,  formação dos hormônios, absorção vitamínica e até proteção dos órgãos.

Por isso, em razão dessa importância desconhecida por muitas pessoas, destacamos 7 alimentos ricos em gorduras boas e que são indispensáveis do cardápio. Vamos lá?!

1 – Azeite de oliva

Azeite de oliva disposta em uma frasco de vidro ao lado de duas azeitonas.

Queridinho das receitas mais populares, o azeite entra para a lista devido as suas gorduras monoinsaturadas conterem o chamado ácido oleico. Este tem por objetivo de diminuir a probabilidade de doenças envolvendo o coração, principalmente no controle do colesterol ruim, o LDL.

2 – Abacate

4 abacates dispostos lado a lado, com um deles aberto.

Conhecido por ser uma fruta que engorda, boa parte do abacate possui gordura monoinsaturada, uma substância que controla o nível de colesterol ruim. Porém, moderação é tudo, visto que um abacate médio chega a conter 30 gramas de gordura.

Para inseri-la no cardápio, uma alternativa é substituir a manteiga e a margarina pela fruta, bem como o uso da maionese e molhos bastante consumidos.

3 – Linhaça

Linhaça disposta em um recipiente de madeira junto a uma colher.

Contendo vitamina E e proteínas, a linhaça ganha destaque por conta do seu óleo rico em nutrientes e fibras essenciais ao metabolismo. Cabe lembrar que a semente também é utilizada pelos que sofrem de prisão de ventre e na reposição do cálcio.

Ainda, pode ser combinada com sucos, saladas de frutas, shakes e salgados, o que não impede de ser usada como improviso em outras refeições.

4 –  Ovo

Diversos ovos abertos.

Um dos alimentos mais ricos em proteína principalmente por conter albumina, em média, um ovo detém 5 gramas de gordura, sendo que apenas 1,5g são saturadas. Isso faz com que se torne referência no quesito consumo saudável, que pode ser apreciado tanto como omelete quanto cozido.

Você conhece a linha completa de Centrotabs?

Vai um chazinho? Saiba tudo sobre essa especiaria

Bem vindo Outono: Quando começa, características e dicas

5  – Salmão

Duas fatias de salmão abaixo de um pedaço de limão.

Por conter ômega 3, o salmão também atua reduzindo os triglicerídeos,  a inflamação e doenças ligadas ao coração, como arritmias e a pressão arterial. Além disso, ele também possui vitamina D, ácidos graxos, selênio e vitamina B3 e B12.

Para apreciar do seu sabor, procure prepará-lo em grelhas, que costumam deixá-lo suculento e concentrado em nutrientes, o que muitas vezes é perdido com as altas temperaturas do forno tradicional.

6 – Chocolate amargo

Pedaços de chocolate amontoados um acima do outro.

Além de ser extremamente saboroso, o chocolate amargo também faz parte dos alimentos saudáveis, desde que seja consumido adequadamente, isto é, sem exageros. Além de deter flavonoides, antioxidantes e teobromina, ele é fonte de lipídios e gordura boa, que promovem uma alimentação equilibrada, rendendo em energia e disposição.

Vale lembrar que existe outros alimentos que contêm nutrientes e gorduras saudáveis para regular a atividade do organismo, podendo ser aproveitados assim como os demais.

7 – Carne de porco

Carne de porco disposto de sal sobre uma tábua de madeira.

A carne de porco é benéfica ao corpo, principalmente quanto as gorduras boas. Por ser gordura animal, ela é metabolizada pelo organismo com mais agilidade do que o normal, assim como ajuda na absorção de nutrientes e minerais.

Afinal, quais os nomes das gorduras boas e ruins?

Normalmente, as gorduras boas recebem o nome de poliinsaturada e monoinsaturada. Já as ruins, são classificadas de saturada e trans.

Assim, para saber a melhor forma de consumi-las regularmente e com moderação, converse com um profissional da saúde, de preferência um Nutricionista. Com isso, ele determinará uma tabela ou até mesmo um cardápio ideal para cada pessoa, já que baseado no ritmo de vida da pessoa.

Posso fazer dieta por conta própria com as gorduras boas?

A única pessoa que pode determinar o cronograma de uma dieta é um profissional da saúde. Tal medida é necessária em razão do especialista ter a preparação adequado para montar o cardápio, que é individualizado conforme a idade e peso.

Além do mais, vale lembrar que o corpo precisa de fibras, proteínas, carboidratos e outras substâncias para que possa funcionar conforme a biologia humana. Portanto, isso significa que para perder peso, é preciso que não falte nada ao organismo, daí a importância do acompanhamento.

As gorduras boas ajudam a ganhar peso?

Sim, ajudam. Porém, como ressaltado anteriormente, é proibido iniciar a dieta sem autorização de um especialista, em razão da sua própria segurança. Posto isso, de fato, as gorduras boas atuam no ganho de peso, principalmente na manutenção das funções fisiológicas e na síntese hormonal.

Por fim, cabe lembrar que como ressalta os especialistas, tudo em excesso faz mal, e pode ser que o mesmo vale para o consumo das gorduras boas. Desta forma, procure manter uma dieta com alimentos ricos em gorduras boas, de forma saudável e equilibrada, o que, decerto, contribuirá profundamente com a tão sonhada longevidade.

Posts recentes

Entenda como surgiu a profissão de farmacêutico
14 de janeiro de 2021
Entenda como surgiu a profissão de farmacêutico
Leia na íntegra
Saiba o que é o check up e a importância de realizá-lo
13 de janeiro de 2021
Saiba o que é o check up e a importância de realizá-lo
Leia na íntegra
Protetor Solar: saiba qual é o melhor!
11 de janeiro de 2021
Protetor Solar: saiba qual é o melhor!
Leia na íntegra
Whey Protein: quando é viável para saúde?
08 de janeiro de 2021
Whey Protein: quando é viável para saúde?
Leia na íntegra
Saiba o que é sedentarismo e como prevenir esse mal
08 de janeiro de 2021
Saiba o que é sedentarismo e como prevenir esse mal
Leia na íntegra
Receba as melhores notíias pela nossa newsletter!