Siga-nos nas redes sociais
Acesse a nossa loja
Drogaria Nova Esperança
Acesse a nossa loja
Página Inicial Pais e filhos Afinal, a chupeta pode fazer mal aos bebês?

Afinal, a chupeta pode fazer mal aos bebês?

Não se sabe ao certo a idade da chupeta na história, mas alguns relatos afirmam que é algo muito parecido com o que conhecemos hoje, foi encontrado em […]

23 de dezembro de 2020
Última atualização: 28 de dezembro de 2020
Afinal, a chupeta pode fazer mal aos bebês?
Tempo estimado de leitura: 7 Minutos

Não se sabe ao certo a idade da chupeta na história, mas alguns relatos afirmam que é algo muito parecido com o que conhecemos hoje, foi encontrado em escavações na Itália, Chipre e Grécia. Esses acessórios primitivos, eram feitos de linho trançado, e eram colocadas substâncias como mel, leito adocicado e até mesmo conhaque, o que se tornou um escândalo na época.

Já em 1800, muitos médicos questionaram o uso da chupeta por bebê recém-nascido, justificando que as produzidas em pano, tornavam a boca grande e os lábios grossos, além de poderem ser facilmente contaminadas, visto que o tecido era umedecido na boca de mães e enfermeiras. Mais tarde, a Pediatria questionou o uso na formação dos dentes das crianças.

Há muitas dúvidas, principalmente de mães de primeira viagem, sobre o uso da chupeta fazer mal para as crianças. Abaixo, procuramos esclarecer as questões mais recorrentes.

 

Afinal, a chupeta faz mal aos bebês?

 

Bebê deitado brincando com chupeta

Utilizada com o intuito de acalmar as crianças, a chupeta é muito buscada pelos pais para este feito. A Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), afirma que a escolha de disponibilizar a chupeta, é uma decisão da família, mas que os benefícios e malefícios devem ser levados em consideração. É importante ressaltar, que o produto está associado a diminuição significativa no risco de morte súbita infantil.

Além disso, o uso da chupeta promove uma sensação de bem-estar para a criança, pois o movimento da sucção feito para criança, libera neurotransmissões que acalmam, reduzindo o estresse do bebê em alguns momentos. Uma boa alternativa também são objetos como chocalho e mordedores específicos.

Mas, o uso da chupeta é contraindicado porque pode favorecer prejuízos para saúde como:

– Chupar chupeta atrapalha a amamentação

Para mamar, o bebê posiciona a língua de maneira diferente de quando chupa a chupeta, e essa confusão dos bicos, pode diminuir a duração do aleitamento, que é fundamental para o elo entre a mãe e a criança e seu desenvolvimento.

– Aumenta os riscos de infeções de ouvido

Ao chupar chupeta, há uma migração considerável de microrganismos para o ouvido, pois há uma diminuição no estímulo do músculo do palato membranoso, que é responsável pela abertura da tuba auditiva.

– Aumenta chances de infecções no geral

Sabe quando a chupeta cai no chão e não é lavada corretamente? Essa atitude irresponsável pode oferecer diversos riscos ao bebê, pois deverá estar vulnerável a bactérias que afetam o sistema imunológico, causando doenças como diarreia, aftas, candidíase oral entre outros.

–  Chupeta prejudica a formação dos dentes

A chupeta faz mal para a formação da carga dentária, e pode causar alterações anatômico-funcionais na mordida das crianças, entornando a mordida, deixando- a cruzada. Além disso, ainda em crianças, o uso do produto pode aumentar os riscos de cáries.

– O uso da chupeta dificulta a fala

Quando o uso é prolongado para mais de 3 anos de idade da criança, a chupeta pode ser a causa de dificuldades na fala, principalmente se for contínuo, causando mudanças estruturais e inibindo a imitação de sons, balbucio e de palavras simples.

 

Alternativas para a chupeta

Como citamos acima, a sucção é uma necessidade fisiológica das crianças. Por isso, é importante que o aleitamento materno é fundamental como alternativa da chupeta, visto que já atende as necessidades da criança de sugar. Além disso, objetivos desenvolvidos para distrair ou até mesmo aliviar os sintomas do nascimento dos dentes, como chocalhos e mordedores, podem ajudar a evitar a chupeta.

As crianças precisam de segurança, carinho e atenção, e ao chorar, os pais devem transmitir tudo isso a elas, não oferecer a chupeta como consolo. Este elo é fundamental para acalmar e assegurar o bebê de que “está tudo bem”. Uma alternativa apontada por especialistas, é entreter a criança com músicas de melodias calmantes.

 

Dicas para ajudar seu pequeno a deixar a chupeta

 

Bebê sem chupeta sorrindo no colo da mãe

 

A principal dica para ajudar o bebê a largar a chupeta, é começar aos poucos. Isso porque, este momento é uma transição na vida da criança. Além disso, o diálogo simples, com ditos como “você já cresceu, criança grande não precisa de chupeta”, é importante para situar o pequeno. Isso faz com que ele entenda como uma evolução e  não como punição.

É legal também, fazer uma troca, incentivar que eles só falem sem a chupeta na boca, contar que a chupeta faz mal e combinar um dia específico para dar a Deus a chupeta, como natal, aniversário, pascoa. Tudo vai depender do elo de dependência que a criança tem com o objeto. Caso tenha muitas dificuldades, converse com o pediatra. Não deixe de conferir outros conteúdos do universo pais e filhos em nosso blog!

 

Conclusão

Por fim, concluímos que afinal, o uso da chupeta tem pros e contras, e os responsáveis serão os pais pela adaptação da criança ao objetivo. Para escolher o melhor produto, que não machuque nem agrida a boca do bebê, e tenha qualidade e aprovação, aconselhamos solicitar orientações do pediatra. Além disso, em nosso site, você pode encontrar diversos produtos para cuidar ainda melhor do seu bebê.

Tags:

Receba as melhores notícias pela nossa newsletter!



    Informações do autor

    jsantos

    Posts recentes

    Entenda tudo sobre Rugas gravitacionais
    01 de março de 2021

    Entenda tudo sobre Rugas gravitacionais

    Leia na íntegra
    Andropausa no homem: o que é, sintomas e tratamento
    25 de fevereiro de 2021

    Andropausa no homem: o que é, sintomas e tratamento

    Leia na íntegra
    Sementes de hortaliças e dicas de como plantar
    25 de fevereiro de 2021

    Sementes de hortaliça e dicas de como plantar

    Leia na íntegra
    Hortaliças: o que são, tipos e benefícios à saúde
    24 de fevereiro de 2021

    Hortaliças: o que são, tipos e benefícios à saúde

    Leia na íntegra
    Mais saúde: lista das 7 principais hortaliças
    24 de fevereiro de 2021

    Mais saúde: lista das 7 principais hortaliças

    Leia na íntegra

    Mais acessados

    8 benefícios que o hábito de pedalar oferece à sua saúde
    02 de junho de 2020

    8 benefícios que o hábito de pedalar oferece à sua saúde

    Leia na íntegra
    Vivendo com Diabetes: o que é, sintomas e os seus tipos
    13 de julho de 2020

    Vivendo com Diabetes: o que é, sintomas e os seus tipos

    Leia na íntegra
    Saiba mais sobre o Óleo de Coco e seus diversos benefícios
    10 de junho de 2020

    Saiba mais sobre o Óleo de Coco e seus diversos benefícios

    Leia na íntegra
    4 motivos para usar protetor solar durante o Inverno
    26 de junho de 2020

    4 motivos para usar protetor solar durante o Inverno

    Leia na íntegra
    As diferenças de comprimidos, cápsulas e drágeas
    16 de março de 2020

    As diferenças de comprimidos, cápsulas e drágeas

    Leia na íntegra