Frascos e cápsulas fitoterápicos dispostos em uma mesa ao lado de flores.

Os benefícios dos medicamentos fitoterápicos que você não sabia

Muitas das coisas que fazemos no dia a dia aprendemos com os nossos pais, que foram ensinados pelos nossos avós, que observaram seus ancestrais. Um bom exemplo disso é uso das plantas medicinais no cuidado com a saúde, também chamadas de fitoterápicos.

Historicamente, dezenas de espécies eram preparadas pelos índios no combate de desconfortos comuns, como diarreia, infecções e inflamações que comprometiam a qualidade de vida da época, o que se transformou em uma tradição cultivada até os dias atuais.

Isso porque para propor mais qualidade de vida, e claro, longevidade, na atualidade, muitos pesquisadores passam boa parte de seus dias em laboratórios, tentando destrinchar os verdadeiros potenciais desta diversidade. Mas quais são as vantagens de se utilizar um fitoterápico? Saiba mais aqui, no Blog da Drogaria Nova Esperança!

O que é um medicamento fitoterápico?

Frasco despejando cápsulas amarelas, vermelhas e beges em uma superfície ao lado de folhas de plantas.

Antes de tudo, um medicamento fitoterápico é toda fórmula farmacêutica à base de plantas, que tem suas sementes, raízes e frutos extraídos para o desenvolvimento de possíveis medicamentos. Ou seja, o fármaco deixa de ser fitoterápico quando sua composição possui elementos ativos isoladores e sintéticos.

Usualmente, suas apresentações variam entre cápsulas, xaropes, tinturas e extratos, visando atender as necessidades de cada pessoa da melhor forma possível.

Fitoterápico X tradicional e homeopático

Como ressaltado no tópico anterior, a definição de um fitoterápico está na sua propriedade, que é totalmente natural, enquanto que a formulação de um medicamento tradicional, como é o casos de referências, genéricos e similares, são compostos de excipientes químicos e princípios ativos não vegetais.

Quanto ao homeopático, este se distingue de um medicinal pelo fato da sua abordagem consiste em propor uma terapia suave, com o objetivo de curar a doença sem causar efeitos colaterais, visando oferecer melhora da imunidade.

Quando devo optar por ele?

5 frascos de vidro rodeados por plantas verdes.

Neste caso, é preciso ter recomendação médica em mãos. Pois o profissional avaliará o quadro de saúde de cada paciente, para só assim determinar o fitoterápico disponível que ajude na sua reabilitação, já que a automedicação é um ato agressivo à saúde.

Para a farmacêutica pós-graduada em farmacologia clínica, Gisele Tomita, é preciso ter cuidado na hora de administrar qualquer tipo de medicamento, inclusive os fitoterápicos. De acordo com ela, é importante que o paciente tenha acompanhamento e não associe certos fármacos com os medicinais. Neste caso, é preciso recorrer a um médico, para que ele entenda a necessidade e a sensibilidade de cada pessoa.

Tudo o que você precisa saber sobre a Doação de Sangue

Além da Laranja, confira uma lista de frutas com Vitamina C

Tudo e mais um pouco sobre absorventes: Tipos, marcas e formas de uso

Efeitos colaterais

Além disso, segundo a farmacêutica, como todo medicamento, o uso dos fitoterápicos tem possibilidade de causar efeitos colaterais, que variam muito de um tratamento para o outro, como explica a própria bula do produto. Assim, é muito provável que eles sejam mais frequentes para algumas pessoas do que para as demais.

Vale lembrar que alguns cuidados durante o tratamento à base dos fitoterápicos podem evitar que as reações adversas venham à tona, como, por exemplo, o ato de administrar a dosagem recomendada pelo médico, bem como o horário e tempo exato do cronograma terapêutico.

Além disso, é importante que as pacientes grávidas e lactantes só administrem os fitoterápicos mediante a permissão de um médico com experiência no assunto, já que as reações adversas podem comprometer a saúde da gestação, por meio da hipersensibilidade, além de quadros nefrotóxico ou hepatotóxico.

Se é natural faz bem?

É comum ouvir por aí pessoas dizendo: “se é natural faz bem”. No entanto, não é bem assim. Existem partes específicas das plantas que podem ser utilizadas para o cuidado com a saúde, já que quando usadas inadequadamente, podem causar insuficiência renal, por exemplo, por conta da sua toxidade.

Sendo assim, antes de tomar qualquer medicamento, é necessário do aval de um especialista no caso.

Na DNE tem!

Ficou interessado? na Drogaria Nova Esperança existe uma categoria repleta de produtos fitoterápicos de variadas formas e apresentações. Então acesse agora mesmo!