Siga-nos nas redes sociais
Acesse a nossa loja
Drogaria Nova Esperança
Acesse a nossa loja
Página Inicial Saúde Diferença entre antialérgico e hipoalergênico?

Diferença entre antialérgico e hipoalergênico?

Qual a diferença entre antialérgico e hipoalergênico? Nós da Drogaria Nova Esperança encontramos em diversos produtos essas palavras enormes e difíceis, porém sabemos que não são todos nossos […]

05 de outubro de 2021
Última atualização: 5 de outubro de 2021
Diferença entre antialérgico e hipoalergênico?
Tempo estimado de leitura: 7 Minutos

Qual a diferença entre antialérgico e hipoalergênico? Nós da Drogaria Nova Esperança encontramos em diversos produtos essas palavras enormes e difíceis, porém sabemos que não são todos nossos clientes que sabem o que isso significa, logo, resolvemos reunir nesse post algumas informações para sanar essa dúvida.

O que são antialérgicos?

Medicamentos responsáveis pelo bloqueio da ação de uma substância chamada histamina. Ela causa a dilatação dos vasos sanguíneos da pele, formação das lesões, coceira e até a vermelhidão.

É a principal substância que causa os sintomas de uma reação alérgica, por essa razão os antialérgicos também são conhecidos como anti-histamínicos.

A ação da histamina é equilibrar o corpo e expulsar o alérgeno no momento que alguém entra em contato com ele. É essa substância que faz as pessoas espirrarem tanto durante uma crise de rinite alérgica.

Os fármacos atuam no mesmo local da histamina fazendo com o que os sintomas diminuam.

Os remédios estão dentro de dois grupos:

Primeira geração: são os mais antigos também conhecidos como “clássicos” e “sedantes”, ou seja, podem causar sonolência, dificuldade em executar atividades diárias, problemas de concentração e no sono e;

Segunda geração: chamados de “não clássicos” ou “não sedantes” são os mais recentes. Nesse sentido, atuam na diminuição dos sintomas sem afetar tanto as atividades do dia a dia e não causam tanta sedação.

Antialérgicos da segunda geração são os mais indicados por serem tão eficazes quanto os da primeira e por causarem menos sonolência.

O que são hipoalergênicos?

São produtos que possuem menos chances de causar alguma resposta alérgica em quem o usa, ou seja, utiliza-se mais de ingredientes neutros. Apesar disso, dermatologistas alertam que o produto ser classificado como hipoalergênico não o isenta de causar possíveis alergias.

Há um teste chamado patch test que consiste em colocar uma pequena porção do produto na pele do voluntário e observar por dias possíveis reações causadas, além desse é necessário realizar outras testagens. Só assim pode-se acrescentar à embalagem “produto hipoalergênico”.

A Avisa decide, aqui no Brasil, o que é considerado passível a causar alergia.

Qual a diferença entre antialérgico e hipoalergênico?

Pessoas com a pele mais sensível enfrentam dilemas no momento de encontrar produtos de pele que não causem alguma resposta alérgica. Nesse sentido o costume de ler rótulos precisa ser algo mais comum entre consumidores.

A princípio a diferença entre antialérgico e hipoalergênico é mais simples do que parece, o primeiro são fármacos que tratam reações alérgicas e hipoalergênicos são produtos que possuem na formulação ingredientes que causam pouca alergia.

Alérgenos

São elementos que causam reação alérgica em pessoas sem defesas. O corpo o entende como um corpo estranho e quando exposto em excesso o sistema imunológico responde com a liberação de certos compostos, gerando assim a alergia.

Conheça os principais alérgenos:

  • Ácaros são insetos invisíveis a olho nu  que causam a maioria dos casos de asma em crianças. Está presente na casa de milhões de brasileiros eles se reproduzem no calor e em uma grama de poeira pode conter até 10 mil ácaros.
  • Pólen é fácil de identificar e uma das alergias mais comuns que pode levar até a asma, porém a forma mais comum de manifestação é através de espirros e prurido nasal.
  • Alergias alimentares são comuns principalmente em países mais industrializados. A mais corriqueira é a intolerância à lactose, muito complicada devido aos diversos derivados. Outras alergias comuns: amendoim, soja, glúten, entre outras.

No blog tem um texto contando a diferença entre alergia e intolerância a alimentos, confira.

  • Animais de estimação causam os sintomas mais parecidos ao da rinite e em alguns casos pode causar urticárias. Assim como ácaro e pólen essa alergia está entre as mais comuns.
  • Contato com perfumes, cremes, sabonetes podem produzir uma reação devastadora em pessoas alérgicas a cosméticos tais como eczema, dificuldade de respirar, urticária e até irritação de mucosas.

Outros alérgenos conhecidos podem ser: medicamentos, látex, níquel, mofo e espécies de insetos.

Como evitar a alergia?

O principal é conhecer a si mesmo e entender o que causa a alergia, a partir desse ponto tenha a iniciativa de evitar contato com esse obstáculo.

De acordo com um estudo realizado pela Organização Mundial da Alergia aponta que 40% da população mundial sofre com alguma alergia respiratória, alimentar ou na pele.

Dicas para ler rótulos

  • Leia o rótulo e entenda o que são os ativos e ingredientes utilizados na formulação;
  • Comece pela lista de ingredientes que são listados pela quantidade, ou seja, o primeiro é o que possui mais concentração;
  • Examine os ingredientes ativos que em algumas embalagens podem aparecer separados;
  • Observe os nomes químicos porque os causadores de alergia se manifestam de forma mascarada nos recipientes;
  • Entenda ao que você é sensível para que o reconhecimento seja mais fácil e;
  • Não se esqueça dos ingredientes à base de plantas que mostram-se em latino, Calendula officinalis na verdade é apenas calêndula comum, por exemplo.

Por fim é importante pontuar mais uma vez a nescessidade de prestar atenção na formulação de cosméticos. Os antialérgicos evitam problemas maiores, mas é válido conhecer as próprias sensibilidades e fazer o uso consciente de produtos.

Tags:

Receba as melhores notícias pela nossa newsletter!



    Informações do autor

    Giovanne

    Posts recentes

    Conheça o Autoteste Covid aprovado pela Anvisa
    22 de março de 2022

    Conheça o Autoteste Covid aprovado pela Anvisa

    Leia na íntegra
    Março Lilás: mês de conscientização contra o câncer de colo do útero
    07 de março de 2022

    Março Lilás: mês de conscientização do câncer de colo do útero

    Leia na íntegra
    Você sabe identificar quais os sintomas da dengue?
    07 de fevereiro de 2022

    Você sabe identificar os sintomas da dengue?

    Leia na íntegra
    Como prevenir o Câncer de Próstata?
    05 de novembro de 2021

    Como prevenir o Câncer de Próstata?

    Leia na íntegra
    Compre e retire na loja da Drogaria Nova Esperança
    27 de outubro de 2021

    Compre e retire na loja da Drogaria Nova Esperança

    Leia na íntegra

    Mais acessados

    8 benefícios que o hábito de pedalar oferece à sua saúde
    02 de junho de 2020

    8 benefícios que o hábito de pedalar oferece à sua saúde

    Leia na íntegra
    Vivendo com Diabetes: o que é, sintomas e os seus tipos
    13 de julho de 2020

    Vivendo com Diabetes: o que é, sintomas e os seus tipos

    Leia na íntegra
    Saiba mais sobre o Óleo de Coco e seus diversos benefícios
    10 de junho de 2020

    Saiba mais sobre o Óleo de Coco e seus diversos benefícios

    Leia na íntegra
    4 motivos para usar protetor solar durante o Inverno
    26 de junho de 2020

    4 motivos para usar protetor solar durante o Inverno

    Leia na íntegra
    As diferenças de comprimidos, cápsulas e drágeas
    16 de março de 2020

    As diferenças de comprimidos, cápsulas e drágeas

    Leia na íntegra