Siga-nos nas redes sociais
Acesse a nossa loja
Drogaria Nova Esperança
Acesse a nossa loja
Página Inicial Saúde Omeprazol: Como funciona, posologia e preço

Omeprazol: Como funciona, posologia e preço

Uma solução confiável e eficaz para condições estomacais, aliviando sintomas como azia, úlceras e refluxo   Para que o Omeprazol é indicado? O Omeprazol é um medicamento genérico […]

07 de junho de 2024
Última atualização: 7 de junho de 2024
[addthis tool='addthis_inline_share_toolbox_a6r5']
Omeprazol: Como funciona, posologia e preço
Tempo estimado de leitura: 12 Minutos

Uma solução confiável e eficaz para condições estomacais, aliviando sintomas como azia, úlceras e refluxo

 

Para que o Omeprazol é indicado?

O Omeprazol é um medicamento genérico de uso oral prescrito para tratar condições relacionadas à produção excessiva de ácido no estômago. É utilizado também no tratamento de úlceras gástricas e duodenais, bem como no refluxo gastroesofágico e pode ser combinado com antibióticos para tratar úlceras associadas à bactéria Helicobacter pylori.

Este fármaco também demonstra eficácia no tratamento da doença de Zollinger-Ellison e em aliviar os sintomas da dispepsia, que incluem acidez, azia, arrotos e indigestão.

 

Como o Omeprazol age?

A substância ativa omeprazol age bloqueando a enzima H+/K+ ATPase, que produz ácido clorídrico no estômago. Ao ser absorvido e transportado pelo sangue até essas células, ele se ativa e inibe a enzima, reduzindo a produção de ácido clorídrico. Isso alivia os sintomas associados a doenças relacionadas ao excesso de ácido.

 

Em quanto tempo o Omeprazol faz efeito?

Em geral, o efeito começa cerca de 1 hora após o uso, atingindo seu pico em até 4 horas.

 

Composição

Cada cápsula de 10 mg contém omeprazol, juntamente dos seguintes excipientes: 

– Manitol;

– Lactose;

– Sacarose;

– Hipromelose;

– Ftalato de hipromelose;

– Álcool cetílico. 

 

Além disso, os componentes incluem azul brilhante, vermelho de eritrosina dissódica, dióxido de titânio e gelatina.

 

Posologia

Conforme a bula original aprovada pela Anvisa, as doses recomendadas variam segunda a condição clínica e a faixa etária do paciente:

 

Adultos com úlceras duodenais: 20 mg, 1 vez ao dia, por um período de 2 a 4 semanas.

Adultos com úlceras gástricas e esofagite de refluxo: A dose é a mesma, 20mg, 1 vez ao dia, durante 4 a 8 semanas.

Adultos em profilaxia de úlceras duodenais e esofagite de refluxo: A dose pode ser de 10 mg ou 20 mg, conforme necessário.

Adultos com Síndrome de Zollinger-Ellison: Inicialmente, 60 mg em dose única. Dosagens superiores a 80 mg ao dia devem ser divididas. 

Crianças com mais de 1 ano: 10 mg em dose única administrada com líquido (água ou suco de frutas, mas nunca leite).

Crianças acima de 20 kg: 20 mg, se necessário, as dosagens podem ser aumentadas até um máximo de 40 mg ao dia, conforme critério médico.

 

Como tomar Omeprazol?

As cápsulas estão disponíveis em dois formatos: um de 20 mg com a cabeça na cor caramelo e o corpo rosa, contendo microgrânulos brancos e bege claro, e outro de 40 mg com a cabeça azul e o corpo branco, também contendo microgrânulos brancos e bege claro. A indicação é de tomá-las antes das refeições, pois sua eficácia é maior quando o estômago está vazio. Caso haja dificuldade na deglutição, as cápsulas podem ser abertas e seus conteúdos misturados com água ou suco de frutas.

 

Como tomar Omeprazol para refluxo?

A dose usual para refluxo é geralmente de 20 a 40 mg por dia, mas isso pode variar dependendo da gravidade dos sintomas e da prescrição médica.

 

Quando tomar Omeprazol?

O Omeprazol deve ser tomado antes das refeições, já que sua eficácia é maior quando o estômago está vazio, cerca de 15 minutos a 1 hora antes de comer, para reduzir a produção de ácido no estômago e evitar sintomas como azia e indigestão.

 

Quanto tempo depois de tomar Omeprazol posso comer?

A recomendação é tomar Omeprazol de 15 minutos a 1 hora antes da refeição. Tomá-lo antes de comer permite que o medicamento atinja sua concentração máxima no momento em que o ácido gástrico é mais produzido. Portanto, é importante aguardar pelo menos 15 minutos antes de comer para garantir sua eficácia.

 

Qual a dose máxima de Omeprazol por dia?

A dose máxima por dia varia dependendo da condição que está sendo tratada e das instruções do médico. Num geral, para adultos é de 40 mg por dia, podendo ser administrada como uma única dose diária ou dividido em 2 doses de 20 mg, dependendo da orientação médica. 

 

Como tomar Omeprazol com antibiótico?

O Omeprazol costuma a ser utilizado juntamente com outros antibióticos no tratamento de úlceras associadas à infecção pela bactéria Helicobacter pylori. É importante seguir as orientações do médico e ler atentamente a bula dos medicamentos para garantir a administração correta tanto do Omeprazol quanto do antibiótico. Normalmente, o Omeprazol é ingerido com o estômago vazio enquanto o antibiótico é recomendado para tomar com as refeições.

 

Por quanto tempo posso tomar Omeprazol?

A duração do tratamento varia conforme a condição médica sendo tratada e a gravidade dos sintomas mas, em geral, pode durar até 8 semanas. No entanto, é essencial seguir as instruções do seu médico ou profissional de saúde e não interromper o tratamento sem consultar primeiro um profissional de saúde, mesmo se você estiver se sentindo melhor. 

 

A partir de que idade pode tomar Omeprazol comprimido?

A idade mínima recomendada para iniciar o uso de Omeprazol em comprimidos é de 1 ano.

 

Omeprazol possui efeitos colaterais?

O uso desta medicação é considerado seguro, mas como qualquer remédio, pode causar reações indesejadas em algumas pessoas. Algumas das reações mais comuns são: diarreia, constipação, dor abdominal, náusea, gases, vômito, regurgitação, infecção do trato respiratório superior, tontura, erupção cutânea, fraqueza, dor nas costas e tosse. 

 

Quais males Omeprazol pode causar?

Como discutido no tópico anterior, é importante estar ciente de que, em casos raros, podem ocorrer efeitos colaterais graves associados ao consumo de Omeprazol. Além dos sintomas mencionados anteriormente, algumas reações consideradas incomuns ou raras incluem: 

 

– Formigamento;

– Sonolência; 

– Insônia;

– Vertigem;

– Aumento das enzimas hepáticas;

– Urticária;

– Mal-estar. 

– Confusão mental;

– Alucinações;

– Crescimento de mamas em homens;

– Diminuição das plaquetas e dos glóbulos brancos do sangue;

– Hepatite com ou sem icterícia; 

– Insuficiência hepática; 

– Dor nas articulações;

– Fraqueza e dor muscular;

– Necrólise epidérmica tóxica (grandes extensões da pele ficam vermelhas e morrem), 

– Queda de cabelo;

– Aumento da transpiração; 

– Edema periférico;

– Lúpus eritematoso cutâneo subagudo.

 

Por isso, é fundamental estar sempre atento às reações e buscar orientação médica se necessário. Para a lista completa de efeitos colaterais, consulte a bula original aprovada pela Anvisa.

 

Omeprazol dá sono?

A sonolência é uma reação considerada incomum associada ao consumo de Omeprazol.

 

Contraindicações

Não é recomendado para pessoas alérgicas ao omeprazol ou a qualquer componente de sua fórmula. Além disso, por conter açúcar em sua composição, deve também ser utilizado com cautela por pacientes diabéticos.

 

Mulheres grávidas podem tomar Omeprazol?

Mulheres grávidas devem evitar o uso de Omeprazol. Embora estudos em animais não tenham demonstrado riscos para o feto, a falta de dados em seres humanos significa que os potenciais efeitos sobre o desenvolvimento fetal não são totalmente compreendidos. Portanto, é importante discutir os potenciais riscos e benefícios do uso deste medicamento durante a gravidez com um médico.

 

Quem amamenta pode tomar Omeprazol?

Como discutido no tópico anterior, este medicamento não tem ampla pesquisa no corpo de mulheres grávidas ou lactantes. Por isso, a recomendação é de evitar também o uso em mulheres em período de amamentação ou que seja feita com cautela sob orientação médica, considerando os potenciais riscos e benefícios para a mãe e o bebê.

 

Quem faz quimioterapia pode tomar Omeprazol?

Pacientes que fazem quimioterapia devem sempre consultar seu médico antes de tomar qualquer outra medicação, incluindo o Omeprazol, devido a possíveis interações medicamentosas. O profissional de saúde que está acompanhando o tratamento de quimioterapia será capaz de fornecer a melhor orientação baseada na condição individual do paciente.

 

Quem está com dengue pode tomar Omeprazol?

Sim, não há contraindicação do uso de Omeprazol em quadros de dengue.

 

Qual a diferença entre Omeprazol e Esomeprazol?

Ambos são medicamentos da mesma classe, conhecidos como inibidores da bomba de prótons (IBPs) e possuem funções semelhantes, como diminuir a produção de ácido no estômago. No entanto, existem algumas diferenças entre eles.

 

O Esomeprazol é mais recente em comparação com o Omeprazol e pode ter um efeito terapêutico mais refinado, minimizando alguns efeitos adversos em comparação com o Omeprazol. Apesar dessas diferenças, esses dois remédios podem ser usados para tratar condições semelhantes, como refluxo gástrico e úlceras gástricas.

 

Qual a diferença de Pantoprazol e Omeprazol?

Estes dois também são inibidores da bomba de prótons, e embora ambos sejam eficazes para reduzir a produção de ácido gástrico, existem pequenas diferenças entre eles.

 

O Pantoprazol tende a ser mais potente e ter uma duração de ação mais longa do que o Omeprazol. Por outro lado, o Omeprazol, por ser mais acessível, pode ser uma opção mais barata em termos de preço.

 

A escolha entre qual tomar deve ser feita pelo médico, considerando as necessidades específicas de cada paciente.

 

Qual o melhor Omeprazol?

Losec e Peprazol são as marcas mais conhecidas, mas existem versões genéricas do Omeprazol disponíveis no mercado. Elas contêm geralmente a mesma substância ativa, sendo consideradas equivalentes às marcas de referência em termos de eficácia e segurança.

 

Ao escolher entre as opções disponíveis, é importante considerar a dosagem prescrita pelo médico, a disponibilidade e o custo. 

 

Quanto custa o Omeprazol?

Atualmente, existe uma grande variedade de medicamentos para reduzir a acidez estomacal. Na Drogaria Nova Esperança, você encontra o fármaco que necessita. Por isso, separados os seguintes produtos para você:

–  OMEPRAZOL 20MG COM 56 CÁPSULAS – TEUTO
–  OMEPRAZOL 20MG COM 28 CÁPSULAS – EMS
–  OMEPRAZOL 20MG COM 56 CÁPSULAS – CIMED
–  OMEPRAZOL 20MG COM 56 CÁPSULAS – NOVA QUIMICA
–  OMEPRAZOL 20MG COM 42 CÁPSULAS – MEDLEY

 

Referências:

–  Silvio Bromberg

–  Portal Viva Bem

–  Doctoralia

–  Hospital AC Camargo

–  Portal Gástrica

Tags:

Receba as melhores notícias pela nossa newsletter!



    Informações do autor

    Bruno Aires

    Posts recentes

    Omeprazol: Como funciona, posologia e preço
    07 de junho de 2024

    Omeprazol: Como funciona, posologia e preço

    Leia na íntegra
    Citrato de Sildenafila:Para que serve, o que é e como tomar
    07 de junho de 2024

    Citrato de Sildenafila:Para que serve, o que é e como tomar

    Leia na íntegra
    Pantoprazol: O que é, seus usos e a forma de administração
    05 de junho de 2024

    Pantoprazol: O que é, seus usos e a forma de administração

    Leia na íntegra
    Sinvastatina: Para que serve, o que é e como tomar
    03 de junho de 2024

    Sinvastatina: Para que serve, o que é e como tomar

    Leia na íntegra
    Rosuvastatina: Para que serve, posologia e apresentações
    24 de maio de 2024

    Rosuvastatina: Para que serve, posologia e apresentações

    Leia na íntegra

    Mais acessados

    8 benefícios que o hábito de pedalar oferece à sua saúde
    02 de junho de 2020

    8 benefícios que o hábito de pedalar oferece à sua saúde

    Leia na íntegra
    Vivendo com Diabetes: o que é, sintomas e os seus tipos
    13 de julho de 2020

    Vivendo com Diabetes: o que é, sintomas e os seus tipos

    Leia na íntegra
    Saiba mais sobre o Óleo de Coco e seus diversos benefícios
    10 de junho de 2020

    Saiba mais sobre o Óleo de Coco e seus diversos benefícios

    Leia na íntegra
    4 motivos para usar protetor solar durante o Inverno
    26 de junho de 2020

    4 motivos para usar protetor solar durante o Inverno

    Leia na íntegra
    As diferenças de comprimidos, cápsulas e drágeas
    16 de março de 2020

    As diferenças de comprimidos, cápsulas e drágeas

    Leia na íntegra